OS NÚCLEOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA (NITS) E AS SPIN-OFFS ACADÊMICAS

Samuel Façanha Câmara

Resumo


Os NITs têm como missão fazer chegar à sociedade brasileira, principalmente ao setor produtivo, os conhecimentos aplicados em forma de tecnologia produzidos pelas Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs). Complementarmente, as spin-offs acadêmicas, empresas que surgem a partir de projetos de pesquisa e desenvolvimento em ICTs, são um dos mais importantes mecanismos para a transferência de tecnologia (TT) no mundo dos NITs. No entanto, não há estatísticas sobre a quantidade e os impactos das spin-offs acadêmicas nem de sua evolução ao longo do tempo. Assim, é difícil afirmar que este processo está crescendo nas ICTs brasileiras e resultando em práticas de TT. Nesse sentido, os NITs precisam se envolver com as incubadoras de empresas em suas ICTs, em programas de estímulo e evolução de spin-offs. Essa discussão merece ser aprofundada, principalmente, considerando a definição mais clara de como  integração entre os NITs e as incubadoras de suas ICTs deve se realizar. Assim, precisamos continuar falando a respeito, apresentando casos e propostas metodológicas adequadas.


Palavras-chave


Transferência de tecnologia; Instituições de Ciência e Tecnologia; Spin-offs acadêmicas

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2359-618xregea.v7i1.p207-211.2018

Direitos autorais 2018 Revista Gestão em Análise

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.