Evidências do efeito da terapia fotodinâmica sobre a Propionibacterium acnes

Rogério Rodrigo Ramos, Jeferson Leandro de Paiva, Nagib Pezati Boer, Luis Fernando Ricci Boer, Fernando Batigália, José Maria Pereira de Godoy

Resumo


Introdução: A Propionibacterium acnes é uma bactéria causadora da acne. Devido aos efeitos colaterais ou à falta de resposta ao tratamento da acne, foi proposta a terapia fotodinâmica como um tratamento alternativo para a acne. Objetivo: O objetivo foi evidenciar a ação fotodinâmica do LED vermelho 660 nm e do fotossensibilizador azul de metileno sobre Propionibacterium acnes in vitro. Métodos: Os ensaios foram constituídos por quatro grupos: 1. controle (sem aplicação de luz e sem fotossensibilizador); 2. com aplicação de luz; 3. com fotossensibilizador e sem aplicação de luz; 4. com fotossensibilizador e com aplicação de luz. Os ensaios foram submetidos a aplicação de luz por 4 ciclos de 5 minutos com intervalos de 3 minutos. Resultados: Houve redução estatisticamente significante (p<0,05) nas médias dos grupos 1, 2 e 4, ainda que o grupo 3 não tenha apresentado significância estatística, mas houve redução detectada nas médias. Conclusão: A ação fotodinâmica é eficiente para a destruição do material biológico por irradiação a 660nm atribuída ao processo de fotossensibilização pela presença do fotossensibilizador.


Palavras-chave


Fármacos fotossensibilizantes; Fototerapia; Oxigênio singlete; Morte celular; Propionibacterium acnes

Texto completo:

PDFA


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2317-3076jhbs.v6i3.1756.p269-272.2018

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Journal of Health & Biological Sciences

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Fale Conosco
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.