Cárie dentária na América do Sul: realidade entre escolares do Brasil e Argentina

Viviane Elisângela Gomes, Raquel Conceição Ferreira, Morgana Almeida Souza de Morais, Loliza Chalub Luiz Figueiredo Houri, Marcela Inés Bella, Lila Susana Cornejo, Pablo Cristian Gigena, Patricia Verduci, Patrícia Maria de Araújo Pereira Zarzar, Isabela Almeida Pordeus, Andrea Maria Duarte Vargas, Efigênia Ferreira e Ferreira

Resumo


Introdução: este estudo transversal multicêntrico objetivou determinar a proporção de cárie dentária, sua gravidade e atividade em escolares brasileiros e argentinos. Métodos: a amostra foi composta por escolares selecionados por conveniência, 406 do Brasil (Belo Horizonte - MG) e 241 da Argentina (Córdoba-Cba). Os dados foram coletados por seis dentistas previamente treinados e calibrados (kappaintra≥0,63; kappainter≥0,67). A proporção e gravidade da cárie foram medidas pelos índices ceod e CPOD. A alta experiência de cárie foi identificada pelo Significant Caries Index (SiC). A atividade de cárie foi avaliada segundo a reflexão e a textura da superfície (Nyvad et al., 1999) e o Índice de Cuidados (  foi mensurado. Resultados: a proporção de livres de cárie (ceod e CPOD = 0) no Brasil foi de 45,7% e 19,9% na Argentina. O ceod foi de 1,48 (IC95%: 1,26-1,71) e 2,38 (IC95%: 2,0-2,72) entre escolares do Brasil e da Argentina, respectivamente. Nos dois países, o componente cariado foi o mais frequente. Entre os indivíduos com experiência de cárie (ceod > 1 e/ou CPOD > 1), a atividade de cárie esteve presente em 77,5% das crianças examinadas no Brasil e em 26,4% na Argentina. No grupo SiC, o CPOD foi de 2,20 (IC95%: 1,95-2,20) no Brasil e 2,17 (IC95%: 1,91-2,43) na Argentina, e o ceod no Brasil foi de 3,37 (3,01-3,72) e na Argentina 5,56 (5,04-6,07). O Índice de Cuidados foi baixo. Conclusão: em ambos os países, a proporção de crianças com experiência de cárie foi alta. Concentração de carga e atividade de cárie foi encontrada em grupos de polarização. Cabe ressaltar que a cárie dentária na dentição decídua é um problema relevante que necessita de esforços direcionados em ambos os países.


Palavras-chave


Cárie Dentária; Estudantes; Saúde Pública; Aplicações da Epidemiologia

Texto completo:

PDFA


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2317-3076jhbs.v7i2.2570.p152-158.2019

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Journal of Health & Biological Sciences

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Fale Conosco
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.