Efeitos da abordagem osteopática na doença pulmonar obstrutiva crônica

Luciano Santos da Silva Filho, Jean Michel Regis Mendes, Maurício Rocha Mendes, Cymara Pessoa Kuehner

Resumo


Objetivo: Realizar uma revisão integrativa sobre os efeitos da abordagem osteopática na doença pulmonar obstrutiva crônica. Metodos: Estudo seccional e documental, realizado por meio de revisão integrativa da literatura disponível nas bibliotecas virtuais de saúde: National Library of Medicine (PubMed), Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e Physiotherapy Evidence Database (PEDro); no período de junho a outubro de 2019, através dos seguintes descritores em língua portuguesa e inglesa: Manipulação Osteopática, DPOC e Fisioterapia. Resultados: Foram encontrados 18 estudos potenciais inicialmente, dos quais 7 artigos foram considerados elegíveis para análise qualitativa. Conclusão: a utilização da Osteopatia como método coadjuvante apresenta evidências, embora incipientes, mas que já dão indícios dos seus efeitos na patologia. Dentre eles, estão: melhora da mecânica respiratória e da mobilidade diafragmática, aumento da capacidade de exercícios com diminuição da dispneia, além de efeitos nas variáveis pulmonares como CVF e VEF1, ainda não tão esclarecidos.

Palavras-chave


Saúde; Ciências da Saúde; Fisioterapia;

Texto completo:

PDFA


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2317-3076jhbs.v9i1.3155.p1-6.2021

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2021 Journal of Health & Biological Sciences

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Fale Conosco
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.