Alterações pulmonares causadas pelo novo Coronavírus (COVID-19) e o uso da ventilação mecânica invasiva

Nataly Gurgel Campos, Rayana Fialho da Costa

Resumo


Introdução: o novo coronavírus é semelhante a outras pneumonias coronavirais e também pode levar à síndrome do desconforto respiratório agudo. Métodos: comunicação breve sobre as repercussões pulmonares causadas pela doença e uso da ventilação mecânica invasiva. Resultados: a ventilção mecânica invasiva é a forma de tratamento adequada para pacientes com saturação abaixo de 92%, pressão arterial de O2 abaixo de 65 mm/Hg com ou sem hipercapnia, frequência respiratória > 30 ipm e piora clínica. Conclusão: o uso da ventilação não invasiva ou de oxigenoterapia nasal de alto fluxo não é recomendado na rotina.


Palavras-chave


Coronavírus; Repercussões Pulmonares; Ventilação mecânica invasiva

Texto completo:

PDFA


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2317-3076jhbs.v8i1.3185.p1-3.2020

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Journal of Health & Biological Sciences

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Fale Conosco
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.