Agenesia pulmonar direita na unidade de terapia intensiva adulto

Fernando Augusto Pinheiro, Laurindo Pereira de Souza, Ellen Daiane Biavatti de Oliveira Algeri

Resumo


Relato de caso: as malformações congênitas pulmonares são raras e variam quanto à sua forma de apresentação clínica e gravidade, podendo manifestar-se em qualquer idade. A anamnese e o exame físico foram instrumentos essenciais, além, da entrevista com os familiares para que o diagnóstico de agenesia pulmonar e dextrocardia fossem confirmados de forma rápida e as intervenções de enfermagem e médicas implementadas em tempo recorde e o paciente recebesse alta sem sequelas além das consequências já deixadas pela doença desde sua infância. Conclusão: compreender o diagnóstico é um processo permeado por inquietudes e requer uma avaliação minuciosa dos pacientes a fim de minimizar danos irreversíveis. Sendo assim, a sistematização da assistência de enfermagem é um recurso ímpar que viabiliza a organização da assistência pelo enfermeiro e possibilita utilizar sistemas de classificação da prática de enfermagem, planejamento e avaliação da assistência além de detectar indicadores clínicos, gerando melhora no prognóstico do paciente.


Palavras-chave


Agenesia Pulmonar; Diagnóstico; Sistematização da Assistência de Enfermagem

Texto completo:

PDFA


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2317-3076jhbs.v8i1.2494.p1-5.2020

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Journal of Health & Biological Sciences

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Fale Conosco
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.