As repercussões da gravidez no cotidiano de uma mulher

Fernanda Teixeira Benevides, Maria Raquel da Silva Lima, Maria Dinara de Araújo Nogueira, Valéria Cristina Nogueira, Carla Soraya Costa Maia, Francisco Herlânio Costa Carvalho

Resumo


Objetivo: Descrever as repercussões da gravidez no cotidiano de uma mulher. Métodos: Estudo exploratório-descritivo com abordagem qualitativa. Foram entrevistadas 25 gestantes entre 20 e 24 semanas de gestação, atendidas em uma instituição na cidade de Fortaleza (CE). A coleta de dados foi por meio de entrevistas semiestruturadas, submetidas à técnica de análise de conteúdo. Foram criadas nuvens de palavras para as categorias, utilizando-se o software NVivo 11. Resultados: A análise comparativa constante permitiu a construção de duas categorias: “impacto da gravidez nas atividades diárias” e “peso corporal da gestação na moda feminina”. A primeira categoria demonstrou o impacto do aumento do tamanho corporal da gestante diante das atividades comuns do dia a dia, a dificuldade para realizar certas atividades, a sobrecarga das articulações e o cansaço relacionado ao aumento do volume corporal na gestação. Os resultados da segunda categoria mostraram que as mudanças gestacionais impactam nas escolhas de vestimenta das mulheres, sendo relatadas as dificuldades para aquisição de um novo vestuário durante esta fase, a procura por lojas especializadas em moda gestante e o reaproveitamento de peças existentes com necessidade de possíveis ajustes. Conclusão: Neste estudo, possibilitou-se a análise dos sentidos atribuídos às mudanças corporais pelas gestantes e observou-se que as transformações gestacionais repercutem diretamente na realização de atividades cotidianas e nas escolhas de vestimenta de mulheres grávidas, demonstrando inúmeras dificuldades a serem compreendidas e enfrentadas durante este período.


Palavras-chave


Mulher; Gravidez; Peso Corporal; Vestuário

Texto completo:

PDFA

Referências


Natacci LC. Dietbook Gestante. 1.ed. Rio de Janeiro: Atheneu; 2015.

Rasmussen KM, Yaktine AL. Weight Gain During Pregnancy: Reexamining the Guidelines [Internet]. Washington (DC): National Academies Press (US); 2009. [Acesso em 2020 Mai 24]. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/20669500.

Petribu BGC, Mateos MABA. Imagem corporal e gravidez. Junguiana [Internet]. 2017 [Acesso em 2020 Mai 25];35(1):33-39. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-08252017000100004&lng=pt&nrm=iso

Gerhardt TE, Silveira DT. Métodos de Pesquisa. 1.ed. Porto Alegre: Editora da UFRGS; 2009.

Minayo MCS. O desafio do conhecimento. Pesquisa qualitativa em saúde. 9.ed. São Paulo: Hucitec; 2014. 416 p.

Turato ER. Tratado de metodologia da pesquisa clínico-qualitativa: construção teórico epistemológica, discussão comparada e aplicação nas áreas da saúde e humanas. Petropolis: Vozes; 2003. 685 p.

Watson B, Fuller-Tyszkiewicz M, Broadbent J, Skouteris H. The meaning of body image experiences during the perinatal period: a systematic review of the qualitative literature. Body Image [Internet]. 2015 [Acesso em 2020 jun 16];14(3):102-13. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/25950953

Ministério da Saúde (BR). Gestação de alto risco: Manual técnico [Internet]. Brasília: Ministério da Saúde; 2012 [acesso em 2020 Jun 17]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/manual_tecnico_gestacao_alto_risco.pdf

Meireles JFF, Neves CM, Carvalho PHB, Ferreira MEC. Imagem corporal de gestantes: associação com variáveis sociodemográficas, antropométricas e obstétricas. Rev Bras Ginecol Obstet [Internet]. 2015 [Acesso em 2020 jun 17];37(7):319-24. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/rbgo/v37n7/0100-7203-rbgo-37-07-00319.pdf

Sun W, Chen D, Wang J, Liu N, Zhang W. Physical activity and body image dissatisfaction among pregnant women: A systematic review and meta-analysis of cohort studies, Eur J Obstet Gynecol Reprod Biol [Internet]. 2018 [Acesso em 2020 jun 17]; 229, 38-44, Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.ejogrb.2018.07.021.

Thompson JK. Body image, eating disorders, and obesity: an integrative guide for assessment and treatment. Worcester: Amer Psychological Assn;1996.

Da Silva PO, Guimarães JMN, Griep RH, Melo ECP, Matos SMA, Molina MDC et al.. Association between Body Image Dissatisfaction and Self-Rated Health, as Mediated by Physical Activity and Eating Habits: Structural Equation Modelling in ELSA-Brasil. Int J Environ Res Public Health [Internet]. 2018 [Acesso em em 2020 jun 18]; 15: 790. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/29670031

Duncombe, D, Wertheim EH, Skouteris H, Paxton SJ, Kelly L. How well do women adapt to changes in their body size and shape across the course of pregnancy?. J Health Psychol [Internet]. 2008 [Acesso em em 2020 jun 18]; 13:503. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/18420758/

Crane, D. A moda e seu Papel Social: Classe, gênero e identidade das roupas. Tradução: Cristina Coimbra. São Paulo: Editora Senac; 2006.

Stefani, PS. Moda e Comunicação: a indumentária como forma de expressão [monografia]. Juiz de Fora: Universidade Federal de Juiz de Fora. Faculdade de Comunicação Social; 2005.

Boepple L, Thompson JK. An exploration of appearance and health messages present in pregnancy magazines. J Health Psychol [Internet]. 2017. [Acesso em em 2020 jun 19]; 22(14):1862-1868. Disponível em: https://europepmc.org/article/med/27611629.

Hicks S, Brown A. Higher Facebook use predicts greater body image dissatisfaction during pregnancy: The role of self-comparison. Midwifery [Internet]. 2016; [Acesso em 2020 jun 19]; 40:132-140. Disponível em: https://europepmc.org/article/med/27428109.

Han SY, Brewis AA, Wutich A. Body image mediates the depressive effects of weight gain in new mothers, particularly for women already obese: evidence from the Norwegian Mother and Child Cohort Study. BMC Public Health [Internet]. 2016 [Acesso em: 2020 jun 19];16:664. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/27473373.

Meireles JFF, Neves CM, Carvalho PHB, Ferreira MEC. Imagem corporal de gestantes: um estudo longitudinal. J. bras. Psiquiatr [Internet]. 2016 [Acesso em 2020 Jul 02]; 65(3): 223-230. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0047-20852016000300223&lng=en. https://doi.org/10.1590/0047-2085000000128.

Marinho NN, Rocha MAV. Desenvolvimento de Produto para Consumidoras Grávidas: reflexões por meio da roupa predileta. Moda Palavra e-periódico [Internet]. 2016 [Acesso em 2020 Jun 02];9:250–267.Disponível em: http://www.revistas.udesc.br/index.php/modapalavra/article/view/1982615x09172016250/4787.

Watson B, Broadbent J, Skouteris H, Fuller-Tyszkiewicz M. A qualitative exploration of body image experiences of women progressing through pregnancy. Women Birth [Internet]. 2016 [Acesso em 2020 Jul 03]; 29(1):72-79. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/26342758.

Plante AS, Doyon AA, Savard C, Groupe ÉquiLibre, Meilleur D, Achim J et al , Weight Changes and Body Image in Pregnant Women: A Challenge for Health Care Professionals. Can J Diet Pract Res [Internet]. 2020 [Acesso em: 2020 Feb 20]:81(3):137-141. Disponível em: https://dcjournal.ca/doi/abs/10.3148/cjdpr-2020-007.




DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2317-3076jhbs.v9i1.3784.p1-6.2021

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2021 Journal of Health & Biological Sciences

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Fale Conosco
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.