SUSTENTABILIDADE NOS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO NO BRASIL

Autores

  • Bárbara Galleli Universidade Federal do Paraná UFPR
  • Mateus Santos de Freitas-Martins Universidade Federal do Paraná UFPR https://orcid.org/0000-0002-8201-1023
  • Noah Emanuel Brito Teles Universidade Federal do Paraná UFPR

DOI:

https://doi.org/10.12662/2359-618xregea.v10i2.p167-183.2021

Palavras-chave:

Sustentabilidade, Educação para a Sustentabilidade, Ensino Superior em Administração

Resumo

Este artigo tem por objetivos: i) identificar o panorama da inserção da temática da sustentabilidade nos cursos de Administração das universidades públicas brasileiras; e ii) comparar esse panorama com as IES participantes do Principles for Responsible Management Education (PRME) no Brasil. Para tanto, foram mapeadas as grades curriculares dos cursos simultaneamente presentes nas universidades públicas mais bem classificadas no Ranking Universitário Folha (RUF) no ano de 2019. Entre os principais resultados, está a baixa proeminência da temática da sustentabilidade nos currículos em uma das regiões do país, a presença considerável de disciplinas optativas que abordam o tema, mas não garantem a formação do estudante, assim como a proeminência de temas relacionados à gestão ambiental. As evidências desta pesquisa permitem inferir que a educação para a sustentabilidade, via inserção curricular, nos cursos de graduação em Administração, nas melhores universidades do país, ainda está em seus estágios iniciais. O artigo também apresenta implicações teóricas, práticas e sociais, além de sugestões para pesquisas futuras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bárbara Galleli, Universidade Federal do Paraná UFPR

Professora da Universidade Federal do Paraná (UFPR), coordenadora da linha de pesquisa Inovação e Tecnologia do PPGADM-UFPR. Doutora em Administração pelo Programa de Pós-graduação em Administração da Faculdade de Administração, Economia e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA/USP),com período sanduíche na Aston University, Birmingham, Reino Unido. Mestre em Administração pelo Programa de Pós-graduação em Administração da Universidade Estadual de Londrina (UEL). Graduada no curso de Administração pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Participa do Grupo de Estudos em Gestão da Inovação, Tecnologia e Sustentabilidade - EGITS e do Grupo de Estudos e Pesquisas em Competências, Gestão e Sustentabilidade - GEPECS. Atua principalmente nos seguintes temas: sustentabilidade organizacional, desempenho sustentável, gestão por competências, desenvolvimento de pessoas para a sustentabilidade, educação para a sustentabilidade.

Mateus Santos de Freitas-Martins, Universidade Federal do Paraná UFPR

Mestrando em Administração pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) atuando na linha de Inovação e Tecnologia - IT. Bolsista pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Graduado em Administração pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Possui experiência profissional em Docência tendo atuado como professor na Escola Técnica de São Paulo (CPS/ETEC) lecionando matérias de Administração tanto para o Ensino Técnico Integrado ao Médio (ETIM) bem como nos cursos técnicos de Administração e Recursos Humanos.

Noah Emanuel Brito Teles, Universidade Federal do Paraná UFPR

Possui Graduação em Administração pela Universidade Tiradentes. Mestrado em Administração em andamento pela Universidade Federal do Paraná, na linha de pesquisa Inovação e tecnologia (Bolsista CNPq, dedicação exclusiva). Foi Bolsista de iniciação científica pelo PROBIC- UNIT e realizou monitoria voluntária nas disciplinas: "Práticas de Pesquisa em Administração, Práticas em Administração II".
Atualmente está pesquisando a influência de pressões institucionais na participação de Universidades Brasileiras em rankings universitários de sustentabilidade. Possui experiência na área de Administração e em temas de pesquisa relacionados a Sustentabilidade, Educação para sustentabilidade, Universidades Sustentáveis, Teoria Institucional e Marketing em mídias sociais.

Downloads

Publicado

2021-09-09

Como Citar

GALLELI, Bárbara; FREITAS-MARTINS, Mateus Santos de; TELES, Noah Emanuel Brito. SUSTENTABILIDADE NOS CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO NO BRASIL. Revista Gestão em Análise, Fortaleza, v. 10, n. 2, p. 167–183, 2021. DOI: 10.12662/2359-618xregea.v10i2.p167-183.2021. Disponível em: https://periodicos.unichristus.edu.br/gestao/article/view/3717. Acesso em: 17 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos