EDITORIAL (ao pé do ouvido)

Mas me contive.  Temi que algum eventual glamour em torno da celebração pudesse seqüestrar o que havia de mais genuíno em nossa alegria: o prazer de ver reconhecido o fruto de um longo e árduo trabalho, tanto pelos nossos pares, quanto pela Capes.

[Temi também que os colegas nos achassem velhos demais para ostentar nossas portentosas medalhinhas douradas].

E, a bem da verdade, às vésperas de fechar a nossa mais nova edição, tivemos de substituir o champagne por algumas doses de café extra forte, adoçadas pelo chantilly de uma torta très délicieuse, porque, afinal, felicidade engorda.  E foi ali mesmo, com o teclado ainda sujo de glacê, que começamos a trabalhar rumo a sonhos mais altos. Um pé após o outro, uma coisa de cada vez. A subida é íngreme e os caminhos, sinuosos. Mas, como diria o Prof. Juraci Mourão, sonho pelo qual se trabalha duro já não é sonho, mas objetivo. E, afinal, não estamos sozinhos. Quando penso na pequenina tropa de soldados bravios, por trás da Opinião Jurídica, é impossível não recordar os versos imortais do poeta: “O homem atrás do bigode/ É sério, simples e forte/ Quase não conversa/ Tem poucos, raros amigos/ O homem atrás dos óculos e do bigode”.

Gostaria de agradecer a esses amigos de jornada, por se manterem sérios, simples e fortes. Pessoas comprometidas em servir: aos autores, leitores, pareceristas e demais pesquisadores. Muito obrigada por se manterem imunes à vaidade.  

É a companhia desses amigos que embeleza as nossas páginas:

  • Profa. Ana Luisa Demoraes – Editora Adjunta
  • Prof. Rodolfo Franco – Editor Assistente  
  • Patrícia Vieira Costa – Editora Técnica
  • Idália Parente e Departamento de Língua Portuguesa
  • Juscelino Guilherme e Jon Barros (Gráfica LCR)
  • Fátima Mapurunga e pessoal de secretaria da Unichristus

Agradecemos, também, de coração, às mentes que emprestaram todo o seu esplendor a essa edição: lógico: nossos autores e pareceristas!... Por fim, agradecemos, carinhosamente, a todos os colegas que acreditaram em nosso trabalho, desde sempre!, aqui representados pelos professores doutores: Horácio Wanderlei, Roberto Caldas, Roberto Bueno e Isaac Reis.

Por fim, onde quer que estejam os nossos leitores [protegidos dos rigores invernais sob 3 mantas de lã bem quentinhas, sob a copa frondosa de uma árvore, ou quem sabe, no litoral, sob um azulejo de horizontes; regados a chimarrão, café ou água de côco]: desejamos que a sua leitura faça valer todos os nossos esforços. 

Profa. Dra. Fayga Bedê

Editora-Chefe da Revista Opinião Jurídica   

Fale Conosco
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.