O PROCESSO DE APRENDIZAGEM GERENCIAL EM UMA UNIDADE DE SAÚDE DA FAMÍLIA: OS DESAFIOS DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE NA ATUAÇÃO GERENCIAL

Edilson Alcântara de Oliveira, Ana Carolina Kruta de Araújo Bispo, Thales Batista de Lima

Resumo


Este estudo objetiva compreender o processo de aprendizagem gerencial realizado por profissionais sem formação em gestão, contemplando a identificação de fatores limitantes e facilitadores e identificando as competências desenvolvidas pelos entrevistados neste processo de aprendizagem. A pesquisa de cunho qualitativo ocorreu por meio da aplicação de entrevistas com profissionais de saúde que atuam como gerentes em unidades de saúde da família na cidade de João Pessoa/PB. Os relatos resultam reflexões acerca da influência de valores familiares, do seu controle emocional, do uso de análise reflexiva para as tomadas de decisões, do desconforto da não utilização de sua formação no processo de gerenciamento e da insegurança na instabilidade do cargo. Concluímos que a falta de preparo para assumir cargos gerenciais conduz os entrevistados a aprenderem, socialmente, por meio de troca de experiência e de práticas que proporcionaram vivenciar melhor situações peculiares do trabalho.


Palavras-chave


Processo de Aprendizagem Gerencial; Competência Profissional; Fatores Limitantes e Facilitadores; Troca de Experiência; Unidade de Saúde da Família

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2359-618xregea.v10i1.p20-38.2021

Direitos autorais 2021 Revista Gestão em Análise

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.