Igualdade, igualitarismo e justiça

Emmanuel Teófilo Furtado

Resumo


As doutrinas libertárias e igualitárias têm relação muito próxima, tanto que, ao se invocar a liberdade, interessa saber “de quem” e “em relação a quê”, enquanto que na igualdade, impõe- -se a concepção “entre quem” e “com relação a que coisas”. A igualdade de todos em relação a tudo é o que caracterizaria a doutrina igualitária. Entretanto, podendo as coisas a ser distribuídas comportar diferenças, o presente artigo analisa os critérios que servem à diferenciação das doutrinas igualitárias, entre eles o da necessidade, defendido por Norberto Bobbio e o da capacidade, além de discorrer sobre a compreensão de Justiça relacionada à lei, à ordem e à igualdade.

Palavras-chave


Doutrinas Igualitárias; Critérios de Diferenciação; Justiça-Lei; Justiça-Igualdade; Justiça-Ordem

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2447-6641oj.v11i15.p70.2013

Direitos autorais 2016 Revista Opinião Jurídica (Fortaleza)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.