BRAND EQUITY: COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR PERANTE AS MARCAS DA DISTRIBUIÇÃO

Daniela Alexandra da Costa Sousa, Arnaldo Coelho, Cristela Maia Bairrada

Resumo


O tema do brand equity não só é relevante para as organizações como também oferece um conjunto vasto de vantagens para o próprio consumidor. O objetivo central desta pesquisa passa por estudar as variáveis que mais contribuem para a sua formação e, ao mesmo tempo, estudar o impacto do brand equity na intenção de compra e no word-of-mouth (WOM). Para os devidos efeitos, foi realizada uma pesquisa de índole quantitativa por meio de um questionário estruturado, baseado em uma amostra de 237 inquiridos com idade superior a 18 anos. Feita a análise estatística, as variáveis price deals, identificação com a marca, confiança na marca foram as que apresentaram um impacto positivo total nas variáveis respeitantes à construção do brand equity: qualidade percebida, lealdade e brand awareness. Já estas dimensões do brand equity parecem ter um impacto positivo no word-of-mouth e a dimensão brand awareness tem um impacto positivo na intenção de compra. Por fim, a intenção de compra tem um impacto positivo no WOM.

Palavras-chave


Brand Equity; Marcas do Distribuidor; Comportamento do Consumidor

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2359-618xregea.v5i1.p32-49.2016

Direitos autorais 2016 Revista Gestão em Análise

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.